O Fim do Mito do Colesterol: Bem vindo a 2015!

ovos felizes

Aqui é o Geosh.

Feliz ano novo, finalmente! Se você é da turma que deixou pra começar a emagrecer só depois do carnaval, sugiro que leia esse artigo aqui, e coloque seus planos em prática!

Parece que pelo menos a respeito do colesterol, Finalmente é 2015. O governo americano finalmente decidiu remover das recomendações alimentares as restrições de alimentos que contém colesterol. (1)

Já fazem 40 anos que essas recomendações – sem embasamento científico de qualidade – são feitas. A ciência já diz o oposto a 50 anos.

Pelo menos agora, é o fim oficial do medo de comer ovos das pessoas saudáveis.

O Mito Das Gorduras Saturadas Persiste.

manteigaAgora as recomendações começaram a focar completamente em culpar as gorduras saturadas como as culpadas pelo problema relacionado ao colesterol. O que também não tem nenhuma base científica. Nós aqui já citamos um estudo de alto nível científico, do BMJ(Periódico médico inglês) que revisou 16 mil estudos científicos e não encontrou relação entre o consumo de gorduras saturadas e o aumento do risco de doenças cardíacas.

Outro estudo de revisão foi publicado esse ano, pelo próprio BMJ, demonstrando que em 1977, quando as recomendações de redução de gorduras foram feitas, quem fez a recomendação de reduzir o consumo de gordura saturada não tinha embasamento científico pra fazer tal recomendação(2).

Essa foi a mesma conclusão que chegou  em 2013 o conselho de recomendações de saúde da Suécia: não existe base científica que suporte uma dieta de pouca gordura.
—————————————————————————————————————————-

Banner250x250_2

Você deseja uma resposta passo a passo, completa e cientificamente eficaz para atingir o seu objetivo de emagrecimento de uma vez por todas? Te convido a conhecer o Livro Eletrônico Emagrecer de Vez.

Se você já conhece a eficácia do método e já tomou a DECISÃO de mudar de vida e investir nesse livro eletrônico: Clique AQUIesse link leva direto para a compra.

Clique aqui para conhecer!
Clique aqui para conhecer o novo livro de receitas.

Conheça também o novo livro de Receitas do Rodrigo, o 50 Receitas para emagrecerdevez. Ele tem alternativas realmente deliciosas que substituem qualquer alimento que você poderia utilizar como ¨desculpa¨ para não se alimentar de maneira Emagrecedora. No site ainda temos o Best Seller Hipertrofia Muscular, Para quem quer ganhar massa magra e obter os melhores resultados de maneira otimizada na academia.

————————————————————————————————————————–

Por Que Os Mitos Persistem?

Os mitos persistem porquê nós simplesmente acreditamos nas coisas, sem evidência para embasá-las. As vezes nós simplesmente achamos que uma coisa é verdade e não questionamos se de fato é. Ou por querermos acreditar que é verdade, ou por que todo mundo acredita. Todos nós cometemos esse erro em maior ou menor grau. Quer um exemplo?

Nós vivemos exatamente no ano de 2015 D.C, certo? Errado.

É consenso entre Acadêmicos que o Jesus bíblico nasceu entre -4 e -6 antes de cristo, alguns estendem esse período de -7 a -2 A.C(3) Isso significa que, se fôssemos utilizar o nascimento do Jesus bíblico, O ano seria algo entre 2017 a 2022.

O próprio Anno Domini,datado incorretamente por um monge em 525d.c. Só foi adotado em 800D.C. Só se popularizou do século 11 ao 14. Portugal só passou a contar anos oficialmente com esse método em 1422. Antes disso as pessoas contavam os anos utilizando a fundação da cidade de Roma por exemplo ou a idade do mundo – Anno Mundi – de acordo com o velho testamento: Cerca de 6 mil anos.

É isso mesmo, meu amigo/minha amiga. O ano de 2015, adotado pela maior parte da humanidade é apenas uma convenção baseada em um calculo errado =)

Interessante, né?

Abraços,

Geosh.

  • Alessandra

    Olá Geosh.
    Quero fazer uma pergunta que não tem muito a ver com o post de hoje, mas que está me intrigando. Faço uso de cápsulas de laranja amarga (500mg) e chá branco (400 mg). Uma dose diária. Esses termogênicos, nessas quantidades, podem de alguma forma afetar o funcionamento do meu sistema cardíaco? Podem levar a um infarto ou AVC?

    • Alessandra, não sei te dizer. O que eu sei te dizer é que eles são completamente desnecessários do ponto de vista do emagrecimento. Funcionam contra os sintomas, não contra a causa. Eu nunca vi nenhum termogênico bater uma alimentação emagrecedora.

  • Alessandra

    Pois é. Já eliminei 22 kg só com a reeducação alimentar e atividade física. Muita disciplina e foco. Uso muita pimenta, canela, gengibre, chás. Mas agora passei a usar as cápsulas receitadas pela nutri. Mas tenho medo de acarretar problemas cardíacos. Bom…. continuarei com a alimentação correta que ganho mais. Adoro suas matérias. Parabéns.

    • Obrigado, Alessandra! Vamo que vamo =)

  • Luciana

    Olá, Geosh, desde o início do ano venho adotando uma dieta low carb high fat e me sentindo muito bem. Mas meu colesterol subiu demais (total = 399) e os médicos estão preocupados. Isso é culpa da minha alimentação?

    • Luciana, mais do que a alimentação em si, acredito que são alguns alimentos que podem influenciar positiva ou negativamente nesse caso. Eu ficaria de olho principalmente no consumo de óleos vegetais e tentaria descobrir quais os itens na sua alimentação podem ser melhorados ou quais podem estar influenciando. Abraços!

      • Luciana

        Oi, Geosh, obrigada pela resposta.
        Eu tenho consumido mais manteiga, óleo de coco e azeite.
        De manhã tomava café com óleo de coco ou com manteiga e me sugeriram parar.
        Óleos vegetais que não sejam o azeite ou coco eu não consumo mais, mas pode ser que usam nos restaurantes que vou… Em janeiro e fevereiro fiz cetogênica e o exame foi feito no fim de fevereiro. Agora que quero ganhar mais massa muscular e melhorar meu desempenho no crossfit, estou seguindo a paleo, incluindo uns carbos paleo antes do treino, espero que o colesterol melhore… de qualquer forma eu me sinto muito bem, não me sinto doente.

        • Eu te entendo, também desconfiaria desses valores! Você tem exames comparativos de antes, por exemplo? Acompanhava seus níveis antes? Talvez seja uma boa também ver o artigo sobre nutricão mitocondrial, Luciana! Um abraço!

  • Luciana

    Oi, Geosh, eu sempre media sim e lembro que o colesterol total era levemente alto, mas que o HDL tava baixo e agora o HDL aumentou, mas o LDL também. Mas na próxima vez vou procurar um laboratório melhor.
    Vou ler o artigo de nutrição mitocondrial então.
    Obrigada e um grande abraço!

    • Ótimo! é importante também ver o tamanho desse ldl, se são as particulas maiores ou menores e mais problemáticas. Mas continue procurando descobrir o que está acontecendo, a Luciana do futuro agradece =) Outro e disponha!

  • bom dia tenho 35 anos peso 95 e quero emagrecer como faço pra poder ter uma boa alimentação pois não consigo sou muito ansiosa de mais e quando vejo já estou comendo me ajuda por favor obrigado bom dia.

    • Raquel, eu abordei esse assunto aqui já, tanto a ansiedade quanto os hábitos, é só buscar ali no canto! Vamo que vamo!

  • Luciana Dourado

    Olá Geosh, td bem?
    Estou mudando meu estilo de vida para dietas lowcarb há 1 mês e já perdi 4,5kg.
    Há 1 ano eu fiz hemograma em que constatou altos índices de gordura (triglicérides, LDL, VLDL, colesterol total) e o HDL baixo. Esta semana fiz novamente pra saber se houve alguma melhora e consta que tudo aumentou (triglicérides, LDL, VLDL, colesterol total e HDL).
    Eu consumo 1 colher de óleo de coco todos os dias, como verduras, ovos (2 a 3 por dia), peixe, frango, muito queijo amarelo (uns 100gr por dia), nada de carboidratos derivados do trigo, nada que contenha mto carboidratos como banana, batata etc. Uso apenas manteiga ou óleo de coco pra cozinhar, não como fora de casa nem por decreto… enfim…. eu sigo tudo direitinho (eu acho!). Estou sempre fazendo as receitas da Maria Alm (ela usa mto cream cheese, será que pode ser isso!?). Será mto queijo? O que pode estar errado? Abaixo seguem os valores:

    triglicérides 152 (ano passado estava 109)
    colesterol total 264 (ano passado estava 205)
    HDL 48 (ano passado estava 39, esse melhorou!)
    LDL 177 (ano passado estava 144)
    VLDL 30 (ano passado estava 22)

    Desde já, mto obrigada! bjos

    • Luciana, eu não sei se é o seu caso, mas o que vejo muita gente fazer de diferente do que eu particularmente considero correto nesse caso(não sou médico ou nutricionista) É que ao mudar para uma alimentação com menos carboidratos, essas pessoas não focam num consumo maior de verduras e legumes. Acho que, embora esses não sejam a maior fonte energética da dieta, devem ser a coisa que você mais tem impressão que come, entende? É importante mesmo ir acompanhando esses indicadores junto de um médico. Ah, veja também o artigo sobre nutrição mitocondrial e inflexibilidade metabólica. Disponha!

      • Luciana Dourado

        Entendi sim, mas eu consumo muitos vegetais e dou preferências para os que têm menos carboidratos (rúcula). No livro do William Davis ele explica sobre a importância de se comer vegetais junto com a carne para gerar um efeito final alcalino que neutraliza a sobrecarga ácida proveniente das carnes.
        Acho que a única explicação aceitável para o meu caso, é que esses valores deveriam estar bem mais altos meses antes do último exame, o que não serve de parâmetro para comparar com exames de 1 anos atrás! De qualquer forma, vou refazer esses exames daqui uns 3 meses para comparar novamente.
        Muito obrigada pela atenção! bjos

        • Luciana Dourado

          Eu li os artigos que vc recomendou e de fato eu preciso me exercitar, comprei até uma bike 🙂
          bjos

          • Show de bola, Luciana! Fico muito feliz com essa notícia! A disciplina pra se sentar na bike e pedalar é o mesmo segredo simples pra se ter sucesso em qualquer coisa na vida: Se obrigar a fazer um pouquinho por si mesmo de cada vez até atingir um objetivo =)

        • Isso, números são ótimas ferramentas pra quem tem uma mente mais admnistrativa! Vamo que vamo, disponha sempre e lembre-se de me mandar um comentário a medida que as coisas forem se desenrolando =)